Agendamento Carteira de Trabalho – Como tirar segunda via

Em muitos postos para emissão de documentos é necessário fazer o agendamento Carteira de Trabalho, uma forma eficaz de evitar filas e assim poupar o tempo do trabalhador que precisa desse documento para ser contratado no Brasil.

A Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) é um documento emitido do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), ele serve para identificar o trabalhador e servir para os registros trabalhistas e previdenciários que são garantidos por lei através da CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas).

Todo cidadão brasileiro com mais de 14 anos pode tirar a CTPS e sempre que for necessário poderá solicitar a segunda via da Carteira de Trabalho indo até os postos que fazem a emissão como os Postos de Atendimento ao Trabalhador (PATs).

Por ser um documento obrigatório, muitas pessoas procuram os postos de atendimentos e isso pode gerar filas, tornando o agendamento a melhor opção para quem tem outros compromissos.

Por isso é interessante procurar o posto de atendimento mais próximo de sua residência e fazer o agendamento Carteira de Trabalho, agilizando assim a retirada da sua CTPS que é entregue na hora.

Agendamento Carteira de Trabalho → Como Tirar CTPS

Como Tirar Segunda Via Carteira de Trabalho

Para poder tirar sua Carteira de Trabalho é preciso já deixar separado os documentos necessários para este procedimento. Para te ajudar a agilizar este processo, separamos abaixo os documentos obrigatórios.

1ª Via da Carteira de Trabalho:

  • RG;
  • CPF;
  • Comprovante de Residência;
  • Certidão de Nascimento (para solteiros); ou Certidão de Casamento (para casados); ou Averbação (para divorciados, separados ou viúvos);
  • Foto 3×4

2ª Via da Carteira de Trabalho 

Para quem vai fazer o agendamento Carteira de Trabalho segunda via é preciso levar os seguintes documentos:

  • RG;
  • CPF;
  • Comprovante de Residência;
  • Certidão de Nascimento (para solteiros); ou Certidão de Casamento (para casados); ou Averbação (para divorciados, separados ou viúvos);
  • Documento que comprove o número da Carteira de Trabalho anterior;
  • Boletim de ocorrência (nos casos de 2ª via por furto, roubo, perda ou extravio); ou
  • CTPS inutilizada/danificada (nos casos de 2ª via por inutilização);
  • Foto 3×4

Agendamento Carteira de Trabalho pela Internet

Agora que você já sabe quais são os documentos necessários, é hora de aprender como fazer o agendamento Carteira de Trabalho pela internet.

O site do Ministério do Trabalho oferece um sistema de agendamento para vários municípios brasileiros, basta acessar este link, preencher com sua cidade e estado, selecionar o tipo de atendimento e então fazer o agendamento.

Para quem mora no Estado de São Paulo, é possível agendar um horário no site do Poupa Tempo, um local especialmente criado para agilizar a emissão de documentos.

Para saber onde você pode solicitar a CTPS na sua cidade, ligue para o número 158 e peça informações sobre o agendamento Carteira de Trabalho, assim você será destinado ao local certo. Por este telefone, dependendo da sua localidade, também será possível agendar o atendimento.

Vantagens do agendamento prévio

Quem já precisou emitir documentos de identificação sabe que o processo é demorado e que as filas podem fazer com que você perca um dia todo para ser atendido.

Com agendamento Carteira de Trabalho, assim como com outros documentos, você consegue excluir os processos de passar por filas, pegar senhas e aguardar horas e horas para ser atendido.

Quando você tem um horário agendado, é certeza de que o processo será mais simples. Chegue pelo menos meia hora de antecedência para garantir o horário, pois alguns órgãos não toleram atrasos.

A principal vantagem de fazer o agendamento é ter a certeza de ser atendido em poucos minutos e já sair do posto com sua Carteira de Trabalho nas mãos.

Esses procedimentos de agendamento servem tanto para a emissão da primeira via, quanto para a segunda via. Mas na hora de agendar, anote o serviço correto para não ter erros durante o processo de emissão do documento.

Leave a Reply