Aposentadoria por Idade: Como dar entrada e quem tem direito

O tema aposentadoria por idade ainda traz várias dúvidas aos brasileiros, principalmente os que estão chegando aos 60 anos e precisam saber por quanto tempo mais precisam trabalhar antes de receber o benefício.

A aposentadoria é um direito do trabalhador e ela pode ser conquista de quatro formas:

  • Por idade – Homens precisam ter 65 anos e mulheres 60;
  • Tempo de contribuição – Ter contribuído com INSS por 30 anos para mulheres e 35 anos para homens;
  • Invalidez – Quando o trabalhador tem uma doença ou sofre o acidente que o impede de ser reabilitado em outra profissão;
  • Especial – Oferecida para trabalhadores expostos a condições prejudiciais à saúde ou à integridade física.

Quem pode pedir aposentadoria por idade?

Muitas se questionam sobre as condições para ter direito a aposentadoria por idade, acreditando que basta completar a idade mínima que já estará aposentado, mas isso não é verdade.

Para ter direito, é preciso cumprir um critério muito importante: ter contribuído com o INSS por 15 anos. Quem não teve anos de trabalho com registro em carteira, precisa ter pago 180 parcelas do INSS de forma como autônomo.

Comprovar esse pagamento é importantíssimo para que você consiga se aposentar, caso contrário, mesmo com a idade você não terá direito ao benefício.

Uma grande diferença sobre a aposentadoria por idade é para os trabalhadores rurais que, por conta do árduo trabalho, podem se aposentar por idade com 60 anos para homens e 55 para mulheres.

Mas mesmo com o trabalho no campo, é necessário ter trabalhado por 15 anos, no mínimo, ou ter documentos que comprovem este trabalho através de contratos de arrendamento ou notas fiscais de entrega de produção rural.

Quanto recebo pela aposentaria por idade?

Outra dúvida muito comum de quem tem interesse na aposentadoria por idade é o valor que recebemos, pois cada pessoa recebe segundo o valor de contribuição. Mas a soma não é tão simples assim.

Esse valor é medido de acordo com a seguinte fórmula: Soma de 80% dos maiores salários de contribuição. O valor obtido nesta conta será pago em 70% dessa média mais 1% para cada ano de contribuição.

Quem contribuiu por 15 anos, por exemplo, receberá 85% da média de seus maiores salários. Já quem contribuiu por 30 anos, receberá o valor em 100%.

Logo, quem teve uma média salarial de  R$ 2.000, só receberá este valor se tiver o contribuído por 30 anos. Se tiver o tempo mínimo de 15 anos apenas, o valor recebido pela mesma média salarial será de R$ 1.700.

É importante saber dessa soma para poder acompanhar o pagamento do benefício, mas essas informações são oferecidas pelo INSS que é o órgão responsável por dar entrada na aposentaria e fazer o pagamento mensalmente.

Como dar entrada na aposentadoria por idade?

Para solicitar a aposentadoria por idade, é preciso que você vá até o INSS consultar o seu Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS) que é o banco de dados onde todos os trabalhadores ficam inscritos.

Para isso, agende um atendimento no INSS através do telefone 135. Você será encaminhado para o posto do Previdência Social mais próximo de sua casa.

No dia do atendimento, leve os seguintes documentos:

  • RG (ou outro documento de identificação com foto)
  • CPF
  • Carteira de Trabalho ou carnês de contribuição
  • Número de Identificação do Trabalhador (PIS/PASEP/NIS)

Para tirar dúvidas sobre esses documentos, confirme a obrigatoriedade deles no telefone ao marcar o seu atendimento.

Durante o atendimento você poderá tirar todas as suas dúvidas, incluindo em quanto tempo estará aposentado e recebendo o seu benefício. Aliás, é importante que você questione o atendente para que você entenda outros direitos que você terá, como o saque do Fundo de Garantia, caso haja algum saldo disponível.

Leave a Reply